18/11/2010 - Comércio eletrônico deve movimentar R$ 2,2 bi no Natal 2010

Este promete ser um dos Natais mais generosos para o comércio eletrônico brasileiro. O aumento do crédito e a descoberta por parte do consumidor da comodidade das compras feitas pela internet devem ajudar as lojas virtuais a faturar R$ 2,2 bilhões neste Natal, de acordo com a e-bit, consultoria especializada em varejo on-line. A estimativa considera as transações a serem realizadas de 15 de novembro a 24 de dezembro e aponta um crescimento de 40% sobre o mesmo período de 2009, quando as empresas faturaram R$ 1,6 bilhão.

A consultoria avalia que o tíquete médio de compra do comércio eletrônico para o período do Natal deve girar em torno de R$ 370. Os eletrônicos e equipamentos de informática estão entre as categorias que devem registrar o maior volume de vendas, prevê a e-bit. Para todo o ano, a consultoria projeta que o comércio eletrônico brasileiro movimentará R$ 15 bilhões, resultado que, se confirmado, corresponderá a uma expansão de 40% sobre os R$ 10,6 bilhões registrados no ano passado.

Fonte: TI Inside


Voltar